Blog do Victão

Cinco meses depois: Sampaoli fica furioso com atletas do Marselha pegos em festa clandestina

Sampaoli não gostou de saber que jogadores do Marselha fizeram uma festa (Instagram OM)

O Atlético foi atingido por um surto de Covid-19 em novembro do ano passado. Motivo pelo qual o time fez três partidas do Campeonato Brasileiro bastante desfalcado, inclusive da comissão técnica. Jorge Sampaoli e seus auxiliares foram apontados como os responsáveis pela infecção generalizada na Cidade do Galo.

O treinador e seus pares participaram dias antes do surto de Covid-19 atingir o Atlético. A demissão do treinador chegou a ser discutida naquele momento, como mostrou o Blog. No entanto, como o Galo estava na liderança do Brasileirão, a direção optou por não fazer nenhuma mudança.

O fato é que depois da festa clandestina, afinal estamos numa pandemia provocada pelo novo coronavírus e não pode aglomerar, o Atlético saiu da liderança da competição e terminou na terceira colocação. Faltou somente uma vitória para o título. A única derrota como mandante aconteceu justamente durante o surto de Covid-19, para o Athletico-PR. Ocasião que o Galo esteve mais desfalcado.

Se teve ou não influência direta no resultado final do time no Brasileirão, é certo que a festa da comissão técnica de Jorge Sampaoli vai habitar as histórias atleticanas sobre 2020 por muito tempo.

Pois bem. Cerca de um mês depois de deixar a Cidade do Galo, portanto cinco meses depois da famosa festa do Andreata (Gabriel Andreata, ex-gerente de futebol do Atlético), Jorge Sampaoli está novamente envolvido com uma festa clandestina durante a pandemia.

No entanto, agora, o treinador está do lado oposto. Dois jogadores do Olympique de Marselha foram multados pela polícia espanhola no final de semana. O que deixou o treinador argentino bastante furioso, a ponto de cobrar que os dois jogadores sejam punidos pela diretoria do clube francês.

Jogadores estavam de folga

O final de semana foi de folga para muitos atletas que atuam na Europa, afinal foi Data Fifa. Atletas que não estavam convocados para as respectivas seleções foram liberados dos treinamentos, como aconteceu com o Olympique de Marselha. Jorge Sampaolli deu três dias livres para todos. Mas com recomendações, afinal ainda estamos numa pandemia.

O zagueiro argentino Leo Balerdi e o lateral espanhol Pol Lirola foram curtir a folga na Espanha. Os dois jogadores do Marselha foram pegos pela polícia numa festa, em Badalona, na Catalunha. A ação policial aconteceu após denuncia dos vizinhos. Cerca de 30 pessoas estavam no local e todas foram multadas.

Sampaoli não gostou nada da história. Mas cinco meses atrás…

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do Portal UAI.

All Comments