Blog do Victão

Chegam para jogar? Nomes especulados foram melhores na Série B do que titulares do Cruzeiro

Alan Rushel foi o melhor lateral-esquerdo da Série B (Divulgação/Chapecoense)

Até o momento oitos jogadores que disputaram a Série B do Campeonato Brasileiro foram especulados no Cruzeiro. Por enquanto, o único confirmado é o volante Matheus Barbosa, que disputou a competição pelo Cuiabá, mas pertence ao Avaí. E foi o clube catarinense que confirmou o empréstimo do atleta até o fim de 2021.

Leia também: Cruzeiro conta com a venda de Jadsom Silva para quitar dívida que impede a inscrição de jogadores

Além de Matheus Barbosa, quem também teve o nome ligado ao Cruzeiro foram os laterais Paulo Henrique, Alan Rushel, o volante Matheus Neris, o meia Marcinho e os atacantes Felipe Augusto, Bruno Rodrigues e Bruno José.

O fato de o Cruzeiro ir atrás desses jogadores não é uma coincidência. Todos eles foram melhores na Série B do que os donos das respectivas posições na Raposa, de acordo com o aplicativo SofaScore, que dá nota aos atletas de acordo com estatísticas.

Veja mais: Fábio pediu equipe de Série A, mas Cruzeiro prioriza a busca por destaques da Série B

É bem provável que nem todos estejam na Toca da Raposa em 2021, mas quem chegar, pelo menos pelo desempenho na última Série B, está em condição de jogar. É uma melhora no time que tem como desafio conseguir o acesso à Série A.

Paulo Henrique (7,19)

O Paraná foi rebaixado, mesmo assim o lateral conseguiu se destacar. Além do Cruzeiro, o Juventude, que subiu, também demonstrou interesse no jogador. O interessante é que Paulo Henrique chega para a posição do jogador que teve o segundo melhor desempenho celeste na Série B. A nota média de Raúl Cáceres foi de 7,13 no SofaScore.

Alan Rushel (7,19)

Capitão da Chapecoense, campeã da Série B, o experiente lateral-esquerdo foi um dos pilares da equipe catarinense. A situação com o Cruzeiro está bem adianta e ele vai chegar para jogar. O atual dono da posição é Matheus Pereira, que teve nota média de 6,92.

Matheus Barbosa (6,85) e Matheus Neris (6,82)

Já confirmado como jogador do Cruzeiro para 2021, Matheus Barbosa subiu com o Cuiabá. A nota média dele é igual à de Jadsom Silva, que está de saída para o Red Bull Bragantino e superior à de Adriano (6,79), o volante remanescente no elenco estrelado. Já Matheus Neris foi rebaixado com o Figueirense. O jogador pertence ao Palmeiras e também teve desempenho melhor do que Adriano, titular do Cruzeiro na reta final da Série B.

Marcinho (7,26)

Um dos motivos de o Sampaio Corrêa passar longe da zona do rebaixamento e até sonhar com o acesso é por causa da boa competição que fez Marcinho. O meia foi um dos melhores jogadores da Série B e está com um pé e meio na Toca da Raposa. O atleta de 25 anos teve nota média superior a qualquer um dos meias que atuou pelo Cruzeiro em 2020.

Bruno Rodrigues (7,02), Bruno José (6,85) e Felipe Augusto (6,70)

Não há dúvidas que o ataque foi o setor do Cruzeiro que mais ficou devendo na última Série B. Por isso a procura intensa por homens de frente, especialmente por aqueles que jogam pelo lado do campo. Com exceção de Rafael Sóbis, que teve nota média de 7,29 (a melhor do clube), os demais oscilaram ou então foram mal o tempo todo. Depois de Sóbis, Airton foi o atacante com melhor desempenho do Cruzeiro, com nota média de 6,73, mas abaixo de Bruno Rodrigues e Bruno José. Já William Pottker terminou a competição com 6,69 de nota, atrás de Felipe Augusto, que não era titular do América.

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do Portal UAI.

Categorias:
Notícias

All Comments

Subscribe
Notify of
guest
1 Comentário
Oldest
Newest Most Voted
Inline Feedbacks
View all comments
guioday rodrigues

Alguém conhece algum destes jogadores? REFUGOS, ENCOSTADOS, JOGADORES EM FIM DE CONTRATO OU LIVRES NO MERCADO. Este é o perfil das contratações do TIMECO FALIDO BI REBAIXADO. Se for de “graça” qualquer um serve. kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk E quer montar um time para subir. kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk Vão ser anos nas DIVISÕES INFERIORES DO FUTEBOL BRASILEIRO.