Blog do Victão

Ceará é o melhor do Nordeste no Ranking da CBF. Vozão supera Bahia, Fortaleza, Sport e Vitória

Ceará foi o melhor clube do Nordeste na temporada 2020 (Felipe Santos/Ceará SC)

A grande temporada do Ceará em âmbito nacional foi coroada com uma posição inédita na história do clube no Ranking da CBF. Pela primeira vez o Vozão é o melhor clube do Nordeste no Ranking Nacional de Clubes (RNC), criado pela entidade máxima do futebol brasileiro em 2013.

Leia também: Atlético passa Cruzeiro no Ranking da CBF. América é o único mineiro que subiu de posição

Ter as melhores campanhas entre as equipes nordestinas na Copa do Brasil (foi até as quartas de final e caiu diante do finalista Palmeiras) e no Brasileirão (terminou em 11º, acima de Bahia, Sport e Fortaleza) foi determinante para o Ceará alcançar este posto.

Desde a criação do RNC a 13ª posição é a melhor ocupada pelo Vozão, que supera o Bahia (16º), o Fortaleza (18º), o Sport (20º) e o Vitória (23º), os times do Nordeste que estão entre os 25 melhores ranqueados pela CBF.

Entre os clubes que estão nas primeiras 20 colocações, o Ceará foi quem mais subiu posições. Foram seis no total. A equipe alvinegra estava em 19º na edição 2020. O Atlético-GO também conquistou seis lugares e agora aparece na antiga colocação do Ceará, a 19ª posição.

E olha que o RNC não dá pontos para torneios regionais, como a Copa do Nordeste, conquistada pelo Vozão em agosto do ano passado.

RNC será divulgado após a Copa do Brasil

Embora já tenha todas as posições determinadas, o RNC será divulgado oficialmente pela CBF somente após a final da Copa do Brasil, entre Grêmio e Palmeiras. Independentemente do campeão, só haverá mudança nas pontuações dos finalistas.

O Palmeiras perdeu a liderança para o Flamengo, depois de três na ponta. O Grêmio seguirá na 3ª colocação, mesmo que seja o vencedor da Copa do Brasil.

Os critérios adotados pela CBF

O RNC leva em consideração apenas os resultados das cinco temporadas mais recentes. A edição de 2021 vai considerar o desempenho dos clubes nas Copas dos Brasil e Campeonatos Brasileiros, de todas divisões, entre 2016 e 2020. Portanto, o resultados de 2015 foram descartados neste ano.

Cada fase disputada na Copa do Brasil e cada posição acima no Brasileirão valem uma determinada quantidade de pontos. Como o Ranking foi feito para valorizar o momento recente dos clubes, a pontuação é multiplicada a cada ano. De um a cinco, em contagem regressiva. Os pontos de 2020 são multiplicados por cinco, os de 2019 por quatro e assim sucessivamente. Até 2016, quando os pontos são multiplicados apenas por um.

Um exemplo: o título do Brasileirão vale 800 pontos. O Palmeiras, campeão em 2016, recebe 800 pontos pela conquista de cinco anos atrás. Já o Flamengo, atual campeão, pega 4 mil pontos pelo troféu conquistado nessa quinta-feira (25).

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do Portal UAI.

All Comments