Blog do Victão

Campanha do Cruzeiro em 2021 está nove pontos abaixo da campanha na Série B do ano passado

Luxemburgo tem aproveitamento de 6º lugar, mas pegou o Cruzeiro numa situação bastante complicada (Gustavo Aleixo/Cruzeiro)

O Cruzeiro de 2021 consegue ser pior do que o Cruzeiro de 2020. A afirmação anterior não é uma opinião, mas uma constatação, que leva em consideração os números. O time desta temporada tem desempenho inferior à equipe que disputou a Série B do ano passado. São nove pontos diferença entre as duas campanhas, após 27 rodadas disputadas.

Na 27ª rodada da Série B do ano passado o Cruzeiro tinha 11 vitórias, oito empates e oito derrotas. No campo eram 41 pontos conquistados, mas na classificação a Raposa aparecia com 35, já que havia perdido seis pontos na Fifa.

Já em 2021, o time estrelado conquistou 32 pontos em iguais 27 rodadas. O Cruzeiro, agora de Vanderlei Luxemburgo, mas que já teve Felipe Conceição e Mozart, venceu somente seis vezes, perdeu sete e empatou incríveis 14 vezes. Portanto, no campo, são nove pontos a menos do que o time da temporada passada, que frustrou a torcida e não conseguiu o acesso.

Assim como aconteceu em 2020, o time de 2021 também não vai subir. E, até o momento, com desempenho inferior ao Cruzeiro da última temporada.

Oito vitórias para superar o próprio Cruzeiro

O Cruzeiro terminou a Série B de 2020 com 49 pontos, na 11º colocação. Mas vale lembrar que o clube foi punido com a perda de seis pontos. Portanto, dentro de campo a Raposa conquistou 55 pontos. O Cruzeiro de 2021 tem de vencer mais oito vezes nas 11 partidas que ainda tem para disputar para superar o desempenho do ano passado.

Mas para um time que venceu somente seis vezes em 27 rodadas, fica difícil acreditar que a campanha de 2021 será capaz de superar a de 2020.

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do Portal UAI.

Categorias:
Notícias

All Comments

Subscribe
Notify of
guest
8 Comentários
Oldest
Newest Most Voted
Inline Feedbacks
View all comments
Jose

Time limitado , diretoria incompetente e omissa , treinador que não enxerga o jogo , ao invés de colocar Marco Antônio vai de Ariel Cabral , junte a tudo isso a falta de sorte , terrível , terrível , orrivel .

André

Se mantiver esse aproveitamento temporada pós-temporada, ano que vem cai! Amém!

Teobaldo

Tem que manter isso aí, viu!!!

ANTONIO ALVES DE MEIRA JUNIOR

montar um melhor cruzeiro de todos os tempos seria bem dificil, pois nosso manto foi vestido por Raul, Fábio, Nelinho, Nonato, Sorin, Perfumo, Piazza, Ze Carlos, Ricardinho, Dirceu Lopes, Tostão, Ronaldo Nazario, Alex, Aritzabal, Maicon, Balu, enfim, muito dificil montar pela qualidade dos jogadores. Para se montar o pior, é esse de 2021, que virá acrescido de um ou outro bendelack, ou seja, o time de 2021 é o pior cruzeiro de todos os tempos. Nunca vi numa equipe profissional tantos pernas de pau juntos.

Lucão

Uai, blogueiro, já passou a ressaca da eliminação de terça? voltou pra tentar se animar com sua saga de narrativa do drama cruzeirense? se sentindo melhor agora?

Wagninho

Certo. A culpa é do blogueiro quê é atleticano. Aliás,toda culpa é dessa imprensa que é toda atleticana.

bielo

que se passa! com o cabuloso… tem que benzer a toca.

Carlos quindim

O tri-Bigante está passando muita vergonha antes de ser extinto!
A Mariada está numa sofrência danada que nunca termina!