Blog do Victão

Atlético vai dar camisa de jogo. Estratégia para segurar os sócios num período sem ingresso

Galo na Veia já esteve até no lugar do patrocinador máster do Atlético (Bruno Cantini/Atlético)

Os planos de sócios-torcedores dos clubes brasileiros basicamente são baseados em como conseguir ingressos para os jogos. Ou o torcedor paga para ter acesso direto ao estádio ou então paga pela preferência e desconto na hora de comprar a entrada para uma partida de futebol. Mas já tem mais de um ano que as arenas estão fechadas.

E não há previsão de retorno do público aos eventos esportivos, fazer com que as pessoas gastem dinheiro com o clube de futebol sem ter nada palpável em troca não é uma tarefa das mais fáceis. Afinal os torcedores não podem ir aos jogos durante pandemia causada pelo novo coronavírus. Dar uma camisa oficial é a estratégia pensada pelo Atlético para compensar a falta de ingressos.

O Galo na Veia, o programa de sócio-torcedor atleticano, terá uma nova modalidade, que será lançada em breve e a camisa será o grande atrativo. Já que não tem ingressos, nada melhor de que optar por presentear quem ajuda o clube financeiramente com uma camisa. O prêmio será entregue assim que o plano for quitado, com opção de pagamento à vista.

Em outubro do ano passado o Galo comemorou a marca de 50 mil sócios. De acordo com o então presidente, Sérgio Sette Câmara, foram 28 mil adesões já durante a pandemia. Efeito dos investimentos feitos no futebol, com ajuda de mecenas. O Atlético reforçou bastante o time para a disputa do Brasileirão e ganhou um voto de confiança da torcida.

O elenco segue forte, apesar de ainda não apresentar um futebol de qualidade. E isso não é barato, razão pela qual é muito comum ver alguns dos mecenas alvinegros incentivando que o torcedor prestigie o Galo na Veia. Com essa nova modalidade, o clube acredita que será capaz de reter boa parte dos sócios que aderiram ao programa em 2020.

Prêmio pode ser a nova camisa

O Atlético pretendia divulgar a coleção 2021 no fim de março. Mas o evento de lançamento foi adiado, pelo fato de quase todo o estado de Minas Gerais ter entrando na Onda Roxa (uma série de restrições para combater o o avanço da COVID-19). O que provoca uma série de restrições, seja em espaço público ou privado.

Ainda não foi divulgada uma nova data de lançamento da nova camisa, mas é certo que nas próximas semanas o time já vai jogar com os novos uniformes.

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do Portal UAI.

Tags:
Categorias:
Notícias

All Comments

Subscribe
Notify of
guest
5 Comentários
Oldest
Newest Most Voted
Inline Feedbacks
View all comments
FLAMENGO, 8 taças em 2 anos.

A ideia é dar camisa, depois calção, chuteira e por pra jogar, tentando montar um time descente mesmo depois de gastar 400 milhões, rajarajarajaraja. VIDA DE ATLETICANO É UMA DESGRAÇA!

jose ramos guedes

de’s’cente (português de merda) Vai pra escola infeliz!

FLAMENGO, 8 taças em 2 anos.

Sempre comece uma oração com letra maiúscula, analfabeto!

Alex CALANDO FRANGAS

QUE DESESPERO! KKKKKKK
É a velha torcida modinha de sempre… KKKK

webber!! 100 % GALOO

Por isso é o sócio torcedor que mais cresce no pais, tem algums clubes ai, perderam mais de 50 mil socio modinhas globais durante a pandemia, é aquela turminha que conhece o time pelo canal de tv, a turminha do fique em casa, e morra de fome calado!! sim estou falando dos flamerdistas.