Blog do Victão

Atlético só vai superar o Cruzeiro no Ranking da CBF se terminar o Brasileirão na 3ª colocação

Último clássico pela Série A foi em novembro de 2019 e terminou em 0 a 0 (Bruno Cantini/Atlético)

Mesmo sem o acesso e apenas com a 11ª posição no Campeonato Brasileiro da Série B, o Cruzeiro pode seguir na frente do Atlético no Ranking Nacional de Clubes (RNC) da CBF. No entanto, restando duas rodadas para o término do Brasileirão, o Galo ainda pode superar a Raposa, desde que fique pelo menos com o terceiro lugar da competição.

Leia também: Atlético e Cruzeiro temem redução da cota de TV pelo Mineiro. Valor atual supera R$ 14 milhões

O RNC foi adotado pela CBF em 2013 e leva em consideração as cinco temporadas mais recentes. No caso, o Ranking de 2021 vai contabilizar os resultados dos clubes nas Copas do Brasil e nos Campeonatos Brasileiros (de todas as divisões) entre 2016 e 2020.

Como a temporada cruzeirense já terminou, a Raposa aparecerá no Ranking com 11.768 pontos. A posição final, no entanto, só será determinada após o término da Série A. Na edição 2020 o Cruzeiro era o quarto colocado, com 15.118 pontos. Mesmo com a perda de quase quatro mil pontos, a Raposa deve se manter entre os 15 primeiro colocados e isso faz diferença (veja mais abaixo).

Já o Atlético ficou com o sexto lugar do RNC em 2020. Para 2021, assim como o rival Cruzeiro, depende da colocação final no Brasileirão para saber sua posição no Ranking. O Galo já tem 8.789 pontos garantidos. Caso termine a Série A na terceira colocação, vai receber mais três mil pontos, totalizando 11.789 pontos, o suficiente para superar a Raposa, por 21 pontos.

Veja mais: Clube-empresa é mesmo a solução para o futebol brasileiro? Especialista tira dúvidas em Podcast

Brigando por uma vaga direta na próxima Libertadores, o quarto lugar no Brasileirão é o bastante para o Galo alcançar esse objetivo sem depender do título do Palmeiras na Copa do Brasil. Porém, a quarta colocação não basta para passar o Cruzeiro no Ranking da CBF, já que o Galo receberia mais 2.800 pontos e ficaria 179 pontos atrás da Raposa.

A importância do Ranking

O RNC é utilizado para determinar alguns dos participantes na Copa do Brasil e até para a divisão da premiação do torneio nas duas primeiras fases. Em 2021, por exemplo, o Cruzeiro só vai disputar a Copa do Brasil por estar bem no ranking, já que não conseguiu uma das vagas distribuídas no Campeonato Mineiro.

Clubes que jogam as duas primeiras etapas da Copa do Brasil e fazem parte do grupo 1 (entre os 15 melhores no Ranking da CBF) recebem mais dinheiro do que os demais. O Cruzeiro, mesmo com o ano ruim em 2020, se mantém neste grupo e vai receber R$ 150 mil a mais do que os demais clubes da Série B e até alguns da Série A apesar por disputar a primeira fase da Copa do Brasil.

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do Portal UAI.

All Comments

Subscribe
Notify of
guest
2 Comentários
Oldest
Newest Most Voted
Inline Feedbacks
View all comments
Wellington Souza Souza

O Galo foi prejudicado pela desclassificação prematura na copa do Brasil.
No ranking das confederações, os mineiros em 2020 serão rebaixados de 3º colocado para 4º colocado, o que afeta diretamente no número de vagas para determinadas competições como série “D” e copa do Brasil.
O desempenho dos mineiros foi medíocre:
Atlético eliminado na Copa do Brasil na segunda fase
Cruzeiro – Rebaixado e ainda mal colocado na série “B”
Boa Esporte – Além de cair da “B” em 2019, caiu novamente para série “C”
Nenhuma equipe chegou nas finais ou obteve ascensão nas séries “C” e “D”
A única equipe que fez seu papel foi o América que fez 770 pontos, mesmo jogando série “B”.

Marcio De Melo Almada

Eu quero saber e do ranking de títulos quando é que o gaylo vai superar o cabuloso kkk